Negócios e Política

Como projetar um escritório de coworking

Hoje vamos ver quais são os principais aspectos a ter em conta na hora de desenhar um escritório de coworking. Uma forma de trabalho em que diferentes empreendedores, autônomos e pequenas empresas compartilham um espaço de trabalho comum e flexível que deve se adaptar às necessidades de mudança.

O coworking está na moda e em alta. A cada dia ouvimos novas empresas dedicadas a isso que se instalam em nossas cidades buscando preencher uma lacuna que parece cada vez maior. E é que os escritórios tradicionais estão perdendo força em comparação com espaços de trabalho compartilhados, como escritórios de coworking. 

Um local ideal para trabalhar com flexibilidade e trocar informações com outros empresários e freelancers. Certamente é uma realidade que continuará a crescer nos próximos anos, pois graças à tecnologia temos a capacidade de trabalhar de qualquer lugar.

A digitalização da sociedade levou ao surgimento de novas oportunidades de negócios. E abriu a possibilidade de trabalhar em qualquer lugar. Coworking é uma forma de trabalho em que diferentes empreendedores, freelancers e pequenos negócios compartilham um espaço de trabalho comum. 

Além de economizar despesas fixas e equipamentos, conseguimos uma localização muito melhor nas principais áreas de cada cidade. Além disso, o horário é definido por nós e de acordo com o que nos convém a cada dia. 

O facto de partilhar o espaço de trabalho e este não ser fixo, permite desenvolver o trabalho de forma independente. Mas, ao mesmo tempo, podemos colaborar em determinados projetos com outros freelancers.

Portanto, a principal característica que deve distinguir um coworking é a flexibilidade para se adaptar a todos os tipos de necessidades dos empresários que irão utilizá-lo. Enquanto um escritório tradicional é projetado para funcionários, os escritórios de coworking são projetados para membros que mudam tanto em número quanto em necessidades e preocupações, tentando encorajar a colaboração e a criação de sinergias. 

Por isso é tão importante criar zonas que incentivem a participação, a criação, a flexibilidade e a conexão. Vamos ver quais são os principais aspectos a ter em conta na hora de desenhar um escritório de coworking.

Diferentes tipos de espaços para projetar um coworking

Um centro de coworking deve atender às mais diversas necessidades e a um número variável de pessoas, portanto deve ter escritórios privados, áreas comuns com mesas de trabalho compartilhadas, salas de reunião ou mesmo salas de conferência. 

Todas as necessidades que possam surgir devem ser atendidas no momento, por isso é necessário ter espaços diferentes habilitados para cada uma dessas necessidades. E tendo pensado muito bem previamente o que nossos membros vão exigir e que espaços dedicamos a cada um deles.

Espaços de trabalho pessoais ou em grupo: É o espaço de trabalho individual ou em grupo, podendo ser aberto, privado ou semiprivado. Portanto, você deve ter mesas individuais, mas também salas de reuniões de diferentes tipos e com diferentes graus de privacidade. Porque nem todos gostam de trabalhar em empresa ou dependendo do momento vão querer mais ou menos privacidade para trabalhar.

Serviços: Dentro de um centro de coworking, toda uma série de necessidades deve ser resolvida de fotocópias a refeitórios, banheiros, áreas de armazenamento, armários, sala de reunião, mensagens… Tudo que pensamos pode ser útil em um determinado momento em que você deve estar lá, para tornar a vida mais fácil para aqueles que usam nosso centro de coworking. Também é importante que estejamos em uma área onde eles tenham disponíveis serviços que não podemos oferecer, como restaurantes ou mensageiros.

Espaços de interação: Outro dos aspectos mais importantes em um coworking é a interação entre os diversos freelancers que nele estão inseridos. Por este motivo, devemos ter especial cuidado nos espaços de relaxamento e diversão, bem como nas áreas para eventos e interação entre os sócios. Devemos pensar cuidadosamente sobre os diferentes tipos de atividades em grupo que podem ser realizadas ou que queremos promover e criar espaços especialmente pensados ​​para isso.

Localização

Uma das chaves para o coworking é que a sua localização é em uma área de fácil acesso, podemos chegar confortavelmente de carro, metrô, ônibus ou bicicleta. E numa zona onde temos todo o tipo de serviços por perto. 

Se pudermos ter uma localização central ainda melhor, pois isso atrai mais freelancers para o nosso espaço. Uma área com muita atividade econômica emergente seria perfeita. A ter em conta é que a localização e o edifício estão em sintonia com a filosofia do nosso coworking, pois será a primeira coisa que os nossos associados e seus clientes verão.

Projeto

Outro aspecto que se destaca no coworking é o cuidado no design dos seus espaços. Espaços que o convidam a se sentir confortável neles e a desenvolver todas as nossas habilidades. Por esta razão, projetos inovadores e criativos são procurados para ajudar a promover um estado de espírito adequado. 

Além disso, o uso de cor e iluminação é muito importante, pois sabemos que podem ajudar a criar um clima mais adequado. O espaço deve ser amplo e aberto para que possa circular livremente, mas ao mesmo tempo também precisará de mais espaços privados, por isso os elementos de divisão serão muito importantes. Melhor aquelas divisões mais claras que permitem a passagem da luz e dão transparência como as divisões de vidro.

Móveis versáteis e ergonômicos

Os elementos e móveis de um coworking devem ser versáteis e ergonômicos para garantir o conforto dos nossos associados e ao mesmo tempo se adaptar às necessidades que podem mudar ao longo do dia. Por isso devemos ter mesas e cadeiras ergonômicas que garantam a segurança e o bem-estar dos associados, sejam eles de 10 minutos ou de 8 horas seguidas. Também há rolos e tábuas para organizar o trabalho, bem como prateleiras e espaços para guardar seus suprimentos. Devemos garantir que sua estadia seja sempre o mais confortável possível.

Outro elemento vital é a conectividade e por isso devemos ter muito cuidado com a questão dos plugues, bem como impressoras, copiadoras, projetores, telas para videoconferências e ter uma rede Wi-Fi da mais alta qualidade para dar o melhor serviço aos nossos membros. Um piso técnico será uma ótima solução que nos ajudará a gerenciar a conectividade com mais facilidade.

Um espaço de vida

Para promover a conexão entre os membros e a vitalidade da comunidade, o centro de coworking deve estar em constante movimento. Atividades que podem ajudar a melhorar nossos membros e criar relacionamentos entre eles devem ser continuamente oferecidas a fim de fomentar o networking. 

Se conseguirmos criar um espaço de convivência que atraia a comunidade da nossa zona, o nosso escritório de coworking tornar-se-á imprescindível para todos aqueles que pretendem estabelecer os seus negócios na zona.Sugerido: O que é Endereço Fiscal?

Similar Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.